Fast food saudável? Dá sim!

Fast food saudável? Dá sim!

A pressa já não é mais uma desculpa para sairmos da linha e colocarmos o pé – o braço, o estômago, o corpo e alma – na jaca na santa hora do almoço. A cidade de São Paulo cada vez mais tem contado com novidades super saudáveis, rápidas e saborosas. Além de tornar sua refeição equilibrada e nutritiva, você varia seu cardápio e ainda ganha tempo!
Então vem com a gente, porque hoje vamos compartilhar algumas dicas preciosas, de lugares que fornecem opções balanceadas, variadas e o melhor deliciosas:

Not Guilty

notguilty

Eles estão certíssimos quando dizem que “Até mesmo um fast food pode ser divertido, agradável e saudável!”. O Not Guilty definitivamente é um restaurante que vale a pena conhecer. Com um cardápio que traz saladinhas, grelhados, sobremesas e até café da manhã, os preço ficam entre R$ 3,00 (café expresso) e 28,00 (prato Louis XIV salad) – achamos justo pela variedade e sabores que oferecem.
Há apenas três lojas nas principais regiões da cidade, mas não fique triste, porque eles também oferecem o serviço de Delivery!
Vale a pena conhecer mais, recomendamos!

Salad Creations

salad

A franquia Salad Creations foi uma das pioneiras a nos oferecer refeições com o conceito de fast food saudável. A rede conta com mais de dez lojas espalhadas em diversos shoppings da cidade e chama a atenção por customizar a usa salada
Dependendo dos ingredientes escolhidos, o preço da salada customizada pode acabar saindo um pouco salgado, por isso, os crepes combinados com saladinhas a R$ 18,00 podem ser uma boa opção.
Para economizar, você pode também se cadastrar no “Club Salad”, programa de fidelidade da rede, que oferece descontos super bacanas.

Box da Fruta

fruta

Assim como nós, tenho certeza que você vai virar fan deste food truck, que tem agitado a cidade oferecendo em seu cardápio wraps, sanduíches, sobremesas de frutas e sucos deliciosos a preços bem acessíveis.
Este food truck é itinerante, então é preciso estar ligado na fanpage Box da Fruta para não perder a sua próxima parada.

Olea Italian Food Truck
olea

Ahh, o Olea! O que dizer do Olea? Que ideia maravilhosa os donos do – super sofisticado – Olea Mozzarela Bar tiveram quando estenderam a proposta do restaurante italiano para o caminhão Olea Italian Food Truck!
Neste food truck itinerante você pode conferir tradicional vitrine de saladas orgânicas do restaurante e o melhor: a um preço médio de R$20,00! Isso mesmo, você finalmente pode sentir o gostinho de um daqueles pratos requintados, a um valor bem acessível!
Toda semana eles divulgam uma nova rota em sua página no Facebook, então vale ficar ligado!

Percebeu que não há mais desculpas para se alimentar mal, né? Afinal, São Paulo é um lugar que oferece mil e uma possibilidades bacanas para se comer bem e de forma equilibrada.
Tem alguma dica legal? Deixe um comentário e compartilhe com a gente!

Anúncios
Standard

Meio do mês: Quando começa a tristeza

Olá, pessoal!

Hoje venho falar sobre algo muito perturbador (pelo menos se você é estagiário), porém necessário: o uso correto do vale refeição e salário.

O começo do mês é sempre incrível! Almoços em restaurantes caros, sobremesas fartas e tudo aparenta estar normal. Afinal, porque não? Porque não posso dar-me ao luxo de comer no Sujinho?

A resposta é simples, caro amigo. Pare e pense, em qual dia estamos? Ahh 15 de Outubro? E quantas Dilmas você tem no banco? Viu?! É como minha mãe sempre diz: “Leva marmita, criatura. Se não, vai ficar no perrengue.”

Chega de papo furado e vamos ao que interessa:

1º Como estamos no meio do mês, é essencial que você saiba o quanto pode gastar por dia. Então, crie agora uma planilha, com uma aba para cada tipo de despesa. Faça um campo com o nome de “quanto ganho” e outro “consumido”, assim terá uma noção geral do quanto gastou e do seu “budget diário”. Além disso, poderá planejar-se melhor no começo do próximo mês.

tumblr_lwzpmxMoVD1qhpo34o1_500

2º Comece a levar comida um dia sim e outro não para a empresa. Pode parecer chato, mas faz muita diferença. Afinal, se o seu vale refeição é de R$ 18,00, três dias de marmitinha correspondem a R$54,00 para gastar no restaurante com a família no final de semana ou para socorrer no final do mês!

3º Sempre que precisar de algo, leve anotado e force a si mesmo para não comprar nada a mais.

tumblr_m798jllAXV1rq1pyno1_500_large

4º Use o cartão de crédito apenas em casos extremos, e nunca parcele nada para mais de 5 vezes. É por causa do bendito crédito que 9,1 milhões de brasileiros estão endividados, segundo dados da CNC de janeiro desse ano. O melhor conselho é sempre tentar pagar à vista e pedir desconto, mas caso não consiga, use com moderação.

5º Seja feliz, mesmo que um pouco mais pobre!

carafeliz

Bom, é isso aí galerinha!

Standard

Menu executivo x kilo

Por toda região metropolitana existem muitos tipos de restaurante, no dia a dia uma dúvida que surge na hora de escolher onde comer é sobre qual modalidade de “menus” escolher, nesse post vamos falar um pouco sobre as vantagens e desvantagens do menu executivo e dos kilos.

Os restaurante com menu executivo – normalmente são menus com preços fechados, com duas opções entrada, prato principal e as vezes sobremesas (bebibas normalmente não estão incluídas) – geralmente custam entre R$30 a R$50 reais (dependendo da região). Esse tipo de menu é muito bom para aqueles que comem bem, sendo uma opção adequada e completa com três pratos bem servidos. Mas cuidado: como comentado anteriormente os valor podem ser bem altos em algumas regiões/restaurantes. Vale a pena dar uma pesquisada entre as opções da região e ver aquela com melhor custo beneficio.

Por outro lado os restaurantes por kilo também dominam a cidade, em media o valor do kilo varia de R$40 a R$50. Essa é uma boa opção para aqueles que gostam de montar seu prato (sem ficar preso as opções do executivo) e na quantidade que deseja (evitando muitas vezes o desperdiço). Essa é a opção mais recomendada para aqueles que comem pouco.

Existem muitas variáveis para decidir quais das duas opções é a melhor, ela varia de acordo com sua fome e de quanto quer gastar em uma refeição.

Standard

Paleta mexicana: a nova mania

10376915_680700898693428_4931959717218673838_n

O verão de 2013/14 foi marcado pelo forte calor, ninguém estava aguentando mais. Ou quase ninguém. O mercado de sorvetes estava se esbaldando com o calor. E este ano marcou a entrada de um novo tipo de produto neste mercado, a Paleta mexicana.

O produto logo caiu no gosto do público(inclusive no nosso), já que é mais natural e maior do que um picolé além de ser R-E-C-H-E-A-D-O. Sim, um picolé gigante e recheado, tem como não gostar disso?

Com origem mexicana (como sugere o nome), a receita chegou no Brasil no ano de 2011, a primeira loja foi aberta em Curitiba e era uma filial da Paleteria. A proprietária teve a ideia de trazer a Paleta para cá depois de ter passado uma temporadada no México.

Experimentamos o sorvete do Los Paleteros do shopping Pátio Paulista e nos rendemos. O que é bom fica ainda melhor quando se descobre que a receita não tem conservantes. As receitas trazidas do país de origem, foram adaptados para agradar ao público brasileiro. O morango recheado com leite condensado é responsável por cerca de 40% das vendas, e não é a toa. O sabor é realmente delicioso. Nada parecido com os sorvetes que estamos acostumados, tudo bem que, diferentemente do recheio que é bastante doce, o preço é um pouco salgado. Para aqueles que não gostam de sabores muito doces, há opções frutadas que não são recheadas, que são um pouco mais suaves, o sabor de iogurte com amora traz aquele azedinho característico.

Pelo tempo que está fazendo lá fora, pelo menos aqui em São Paulo, a mania deve continuar neste verão.

Existem incontáveis franquias de várias lojas espalhadas pela cidade, em quase todos os shoppings existe um quiosque de Paleta Mexicana, vá até o mais próximo, aproveite nossas dicas e depois conte a sua opinião para nós! Valeu! 🙂

Standard

Marmita pra que te quero!

A temida marmita esta cada vez se tornando mais comum e deliciosa.

Uma ótima opção para quem quer economizar e comer bem, sem medo de ser feliz, mas aviso aos iniciantes: ter uma boa marmita significa além de gostar de cozinhar, ter tempo para isso (ou fazer a limpa na geladeira da mãe ou da vó no final de semana).

Muitos chefs de cozinha estão se especializando em montar um marmita balanceada e saborosa, fugindo do diário arroz,feijão e mistura acompanhamento. Receitas ricas em nutrientes e variadas opções. Frutas e barras de cereais são sempre boas opções para o lancinho da tarde.

Muitas dessas receitas você pode achar em blogs e no youtube.Aqui vão algumas dicas:

http://panelinha.ig.com.br/site_novo/meuBlog/pitadas–2428 – bem recomendado

https://www.youtube.com/user/sitepanelinha

http://blogdamimis.com.br/2013/12/05/salada-no-pote/

http://www.beachco.com.br/v2/gastronomia/sim-para-a-marmita.html

http://www.belagil.com/

1992edd13b0f39daa3fcd563e6a5bffa

Vocês devem estar pensando, “ai mais que saco ficar carregando tupperware em saquinho de mercado por ai!”

Nada disso amigo, hoje em dia existem itens incríveis e fofos para você deixar os amigos do trabalho com inveja e água na boca.

A mais nova facilidade é montar a marmita em potes de vidro e em camadas– o vidro mantem o alimento mais fresco durante o transporte, é muito mais pratico na hora de esquentar e não deixa gosto na embalagem (facilita a lavagem) – em algumas das receitas é só sacudir o pote e pronto, sua refeição  estará pronta para o consumo.

da55c734999e35d2b9be164314565535

c860e066adb5de17be2deb5161b40d02

Outros itens que vale a pena o investimento:

– sacola para o transporte, prefira sempre as térmicas e com forração, em caso de algo vazar você não corre o risco de se sujar e pegar aquele mico.

f2bbcda8e814a7dd1cf4cadc5b1e21ac

phpjC5k2k_61e21

26012d727ac86ebe92a27534dfa271b3

– utensílios como potinhos, talheres, garrafinhas, etc:

(dica de onde comprar coisas fofas: Liberdade, lojas de R$1,99)

607ac7551bca729ec65571c919bf63c8

40f1c1d307813e5abe0805b4301b390b

1 2

Ta vendo como sua experiencia com marmita pode ser ótima?

Bom almoço!

Standard

Início do mês: a alegria de um VR cheio.

Depois de passar as últimas semanas no aperto, finalmente chega a hora de respirar aliviado. Hora de receber aquele benefício que muitos consideram quase uma dádiva, que vai permitir, finalmente, aquela visita ao restaurante preferido. Chegou o dia de receber o Vale Refeição.
Esse momento do mês é quando a liberdade de escolha volta à tona, você não é mais obrigado a ir àquele restaurante que ninguém gosta mas é a opção mais barata. E é justamente aí que aparece a dúvida: ceder a tentação, ir aos melhores restaurantes da região e ter que economizar no final do mês ou racionar a grana e ficar tranquilo até o final do mês, com a opção de sair para comer com os amigos no fim de semana sem ter que gastar “dinheiro de verdade”. Vale a reflexão.

Passar vontade não é uma opção que os apaixonados por comida facilmente consideram, portanto é sempre difícil controlar os impulsos, ainda mais na hora do almoço, quando a fome parece fazer as decisões sem consultar a razão, pensar a médio prazo, é muito mais difícil nessa situação.

Planejar com antecedência o que fazer nessa semana foi uma solução prática para esse problema. Quando você não está faminto, é possível pensar melhor no que fazer. E isso, inclusive, vale para qualquer situação na vida, é muito mais complicado decidir algo quando se está com fome, sede, sono ou raiva.

É possível matar suas vontades sem ficar pendurado pelo resto do mês inteiro, basta não deixar-se levar pela vontade e planejar onde comer. Claro que no meio do caminho, acabar indo no fast-food vai acontecer assim como aquele almoço de equipe no restaurante mais caro do bairro, mas também, ninguém é de ferro, vamos nos permitir!(mas só de vez em quando). 🙂

Standard